Cookies e Política de Privacidade
O Capuchinhos RS utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Selecione

55. A capa de Frei Egídio

Texto Original

.

1 Quodam tempore in primordio Religionis, cum maneret apud Rigum Tortum cum duobus fratribus quos tunc tantum habebat, ecce quidam, qui fuit tertius frater, venit de seculo ad recipiendam vitam eius. 
2 Et factum est, dum sic maneret per aliquos dies indutus pannis quos de seculo apportaverat, accidit ut quidam pauperculus veniret ad locum illum querens helemosinam beato Francisco. 
Beatus Franciscus dixit illi, qui fuit tertius frater: “Da fratri pauperi mantellum tuum”. 
4 Et statim cum magna letitia tulit illum de dorso suo et dedit illi. 
5 Unde visum fuit illi quod statim novam gratiam immisisset Dominus in cor eius occasione illa, qui cum hilaritate dedit (cfr. 2Cor 9,7) mantellum pauperi.

Texto Traduzido

.

1 Certa ocasião, no começo da religião, quando morava em Rivotorto com os dois frades que eram os únicos que tinha naquele tempo, eis que alguém, que foi o terceiro frade, veio do século para assumir sua vida. 
2 E aconteceu que, como ficasse vestido por diversos dias com as roupas que trouxera do século, um pobrezinho veio ao lugar pedindo esmola ao bem-aventurado Francisco. 
3 O bem-aventurado disse ao que foi o terceiro frade: : Dá ao pobrezinho a tua capa”. 
4 Ele tirou na mesma hora de suas costas, com grande alegria, e deu ao pobre. 
5 Por isso pareceu-lhe que na mesma hora Deus lhe havia colocado uma nova graça em seu coração nessa ocasião, pois dera a capa ao pobre com alegria.