Cookies e Política de Privacidade
O Capuchinhos RS utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Selecione

115. Como comportar-se com o Clero

Texto Original

.

1 Item aliqui fratres dixerunt beato Francisco: “Pater, nonne vides quod aliquando episcopi non permittunt nos predicare, et pluribus diebus permittunt nos stare in una terra otiosos, antequam possimus populo predicare? 
2 Et melius esset quod tu impetrares, quod fratres haberent privilegium a domino papa, et esset salus animarum (cfr. 1Pet 1,9)”. 
3 Quibus ipse respondit cum magna reprehesione dicens: “Vos, Fratres Minores, non cognoscitis voluntatem Dei, et non permittitis me convertere totum mundum, sicut Deus vult. 
4 Nam ego volo per humilitatem et reverentiam primo convertere prelatos, et cum ipsi viderint sanctam vitam vestram et reverentiam ad eos, ipsi rogabunt vos, quod predicetis et convertatis populum. 
5 Et ipsum vocabunt vobis melius, quam privilegia, que vultis, que vos ducent ad superbiam. 
6 Et si fueritis separati ab omni avaritia (cfr. Luc 12,15) et inducatis populum quod reddant ecclesiis iura sua, ipsi rogabunt vos quod audiatis confessionem populi sui; 
7 licet de hoc non debeatis curare, quia, si conversi fuerint, bene invenient confessores. 
8 Ego pro me volo hoc privilegium a Domino, nullum scilicet ab homine habere privilegium, nisi omnibus reverentiam facere et per obedientiam sancte Regule exemplo plus quam verbo convertera universos”.

Texto Traduzido

.

1 Uma vez alguns frades disseram ao bem-aventurado Francisco: “Pai, será que não vês que às vezes os bispos não nos permitem pregar, e nos fazem ficar muitos dias ociosos em algum lugar, antes de podermos pregar ao povo? 
2 Seria melhor que pedisses que os frades tivessem um privilégio do senhor papa, e fosses a salvação das almas”. 
3 Respondeu-lhes com uma grande repreensão, dizendo: “Vós, Frades menores, não conheceis a vontade de Deus, e não me permitis converter todo o mundo, como Deus quer. 
4 Porque eu quero converter primeiro os prelados, pela humildade e a reverência, e quando eles virem vossa vida santa e a reverência que tendes para com eles, vão rogar eles mesmos que vós pregueis e convertais o povo. 
5 E vão convoca-lo para vós melhor do que os privilégios que quereis, que vos levarão à soberba. 
6 Se fordes alheios a toda avareza e inculcardes ao povo para que entreguem às igrejas os seus direitos, eles mesmos vão rogar que escuteis a confissão do seu povo; 
7 ainda que não devais pensar nisso, porque, se se converterem, vão saber encontrar confessores. 
8 Eu quero para mim este privilégio do Senhor: não ter nenhum privilégio que venha dos homens, a não ser prestar reverência a todos e pela obediência da santa Regra converter a todos mais pelo exemplo do que pela palavra”.