Cookies e Política de Privacidade
O Capuchinhos RS utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Selecione

Como Frei Junípero foi uma vez a Assis nu e sem calças.

Texto Original

Qualiter nudus ivit Assisium sine femoralibus.

41 Cum autem semel frater Iuniperus morabatur in valle Spoletana et audiens, quod Assisii erat magna solemnitas et magnus populus congregatus, venit nudus et sine braccis usque Assisium transiens per Spelllum et alia duo castra, et transiens per medium civitatis et totius populi ita venit ad fratres. Qui turbati ipsum fatuum et Ordinem per ipsum confusum increpando dicebant. Generalis vero, vocatis fratribus dure reprehendit eum et post asperam increpationem dixit sibi: “Quam poenitentiam tibi potero dare, quae sit por tanto excessu condigna”? Respondit frater Iuniperus: “Dicam tibi, pater, quod sicut ego veni nudus, ita nudus per eandem viam revertar”.

Texto Traduzido

Qualiter nudus ivit Assisium sine femoralibus.

41 Uma vez, vivendo Frei Junípero no Vale de Espoleto, e sa­bendo que em Assis havia uma grande solenidade e muita gente reunida, foi nu e sem calças até Assis passando por Spello e outros dois castelos, e atravessando pelo meio da cidade e de todo o povo, assim foi aos frades. Escandalizados, eles o repreenderam dizendo que era um doido e por causa dele a Ordem tinha sido envergonhada. Mas o geral, convocando os frades, repreendeu-o duramente. Depois de uma áspera advertência, disse-lhe: “Que penitência eu poderei te dar, que corresponda a tamanho exagero”? Frei Junípero respondeu: “Eu te direi, padre, que como eu vim nu vou voltar nu pelo mesmo caminho”.