Cookies e Política de Privacidade
O Capuchinhos RS utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Selecione

28). Uma vida de bispo e de príncipe

A sétima culpa de Frei Elias foi queria viver esplendidamente, entre comodidades e magnificências, e tinha palafréns gordos e robustos, e sempre andava a cavalo, mesmo que fosse para ir de uma igreja a outra distante apenas meio milha,portando-se contra o preceito da Regra... Também tinha jovenzinhos seculares como donzeis, como os bispos, vestidos com roupas de cores berrantes, e eles o assistiam e serviam em tudo. Raramente comia em um convento com os outros frades, mas no seu quarto, sozinho. Tinha até um cozinheiro particular; ... tinha uma família especial de doze ou catorze frades, que mantinha consigo no convento de Celle... Do grupo de Frei Elias era um tal de João, chamado dos Louvores, irmão leigo, duro e violento, torturador e carrasco péssimo, que, por ordem de Elias, dava disciplina aos frades, sem misericórdia... (pp. 2231-232).