Necrologia

Selecione o Mês:

Frei Evaristo Fassina

02/02/1892
25/01/1982

Alfredo Chaves (Veranópolis)/RS

 

O magistério, foi a atividade que mais absorveu sua longa vida. Exímio professor de línguas: francês, italiano, grego e latim. Lecionou: Filosofia, Literatura, Patrologia, Sagrada Escritura, Liturgia, Canto Chão...

 

Registro
Ingressou no Seminário Seráfico de Alfredo Chaves, no dia 10 de janeiro de 1903, sendo, então, Reitor Frei Edmundo de Nâves (francês). No dia 07.03.1909, em Flores da Cunha, emitiu os Primeiros Votos. Foi ordenado presbítero, no dia 26.12.1916, por Dom João Becker, na Igrejinha do Palácio Episcopal, em Porto Alegre. Iniciou o magistério Sacerdotal na Igreja Santo Antonio do Partenon em Porto Alegre. Exerceu atividades Pastorais em Flores da Cunha, Vacaria, Garibaldi, Marau, Veranópolis, Caxias do Sul, Pelotas, Ipê, Vila Flores. Dedicou-se ao magistério, foi professor em todas as Casas de Formação, desde os cursos ginasiais até o curso teológico. Perito em Liturgia e Rubricas Eclesiásticas. Atuou, também, como Censor na Editora São Miguel. Faleceu no dia 25.01.1982, foi sepultado, no Cemitério Parque, quadra 02, setor 11, jazigo 100, em Caxias do Sul. Contava 90 anos.

 

Informações pessoais
Filho de Giovanni Fassina e Domenica Simionatto, recebeu à Pia Batismal o nome NATALE FASSINA, no dia 16.03.1892

Frei Venceslau Miszewski

01/08/1926
25/01/2000

Santa Teresa/RS


Desempenhou o ministério presbiterial e a vida fraterna, predominantemente, em Seminários e Conventos. Na Província identificava-se pelo economia e adminstração das obras e das fraternidades. Condecorado com a Medalha Negrinho do Pastoreio

 

Registro
Ingressou no Seminário Seráfico São José, Veranópolis, no dia 12.09.1939. Em Flores da Cunha fez o noviciado e professou no dia 06.01.1947. Nas Casas de Formação, estudou filosofia e teologia. Também formou-se em Contabilidade. Foi ordenado presbítero, por Dom Benedito Zorzi, em Flores da Cunha, no dia 21.12.1952. Atuou em Veranópolis, Ijuí, Caxias do Sul, Lagoa Vermelha, Granja Fátima, Marau e Soledade. Desempenhou as funções de professor, capelão, guardião, diretor de rádio e de hospital, ecônomo e definidor provincial em quatro oportunidades. Desde 1991 sofria de pressão alta e gota. Era cardíaco. No dia 27.12.1999, foi internado no CTI do Hospital Frei Clemente Spinello, em Soledade. Após, foi transferido para o Hospital Medianeira de Caxias do Sul. Recuperava-se na Casa Provincial, quando foi acometido de uma parada cardiorrespiratória. Faleceu no dia 25.01.2000 às 21h50min. Foi sepultado no jazigo dos Frades Capuchinhos, no Cemitério Parque, quadra 2, setor 12, jazigo 98, Caxias do Sul/RS. Contava 73 anos.

 

Informações pessoais
Filho de Francisco Miszewski e Bárbara Reska Miszewski, recebeu à Pia Batismal o nome PEDRO MISZEWSKI. Era um frade paciente, sereno, afável, fraterno e serviçal.

Frei Feliciano de Valgrisanche

25/02/1879
29/01/1967

França

 

Registro
Professou no dia 05.03.1899, na França. Veio para a Missão Capuchinha do Rio Grande do Sul e trabalhou no Seminário Diocesano, em Porto Alegre. Retornou à França, faleceu no dia 29.01.1967, com 88 anos. Está sepultado em Châtillon.

 

Informações pessoais
Nome civil GERMAIN USEL

Frei Constantino Brusamarello

28/06/1926
29/01/1974

Paim Filho/RS


Destacou-se na Pastoral Paroquial e na Formação.

 

Registro
Entrada no Seminário, no dia 02.07.1940, em Veranópolis. Professou, no dia 19.01.1948, em Flores da Cunha. Foi ordenado Presbítero por Dom Benedito Zorzi, em Garibaldi, no dia 20.12.1953.Desempenhou suas funções em: Ipê, Flores da Cunha, Porto Alegre, Sananduva e Imaruí(SC). Faleceu em Garibaldi, no dia 29.01.1974, com 48 anos, vitimado pelo diabetes. Está sepultado, no Cemitério Municipal de Garibaldi, no jazigo dos Frades Capuchinhos.

 

Informações pessoais
Filho de Stefano Brusamarello e Virginia Pontello Brusamarello, à Pia Batismal, recebeu o nome GUERINO BRUSAMARELLO

Frei Jean-Marie de Chambéry

19/05/1890
30/01/1985

Chambéry (França)


Tinha uma particular devoção a Nossa Senhora e às obras do Padre Pio de Pietrelcina

 

Registro
Emitiu os votos religiosos, no dia 15.08.1907. Em seguida veio para a Missão do Rio Grande do Sul. Em Flores da Cunha, no dia 08.12.1910, fez os votos perpétuos. No dia 02.06.1915, regressou à Sabóia(França). Foi ordenado presbítero, no dia 29.06.1915, em Vale d'Aosta(Itália). Percorreu, de carona, a França e países vizinhos para encontros espirituais. Faleceu em Paris, no dia 30.01.1985, com 95 anos. Foi sepultado no Cemitério Montparnasse, Província de paris (França).

 

Informações pessoais
Filho de Emile-Thomas Durand e Marie-Rose-Margherite Duroure, recebeu o nome ADOLPHE-LEON DURAND

Veja Mais